Blog Em Dia

com Racib Idaló


25/09/2019

Disputa coloca em risco 'mediunidade' de Uberaba, com referência perdida nas telas e na economia




Sinceramente? Para mim tanto faz, em termos religiosos ou de status, se Uberaba ganhar ou perder o tal título de capital nacional da mediunidade, o que vem tentando obter. O que me interessa, e deve interessar a maioria da comunidade, é devido ao turismo religioso, que já gerou muito para economia de Uberaba, principalmente quando Chico Xavier era vivo.
Se for declarada tal capital, pode ajudar a cidade a ter mais turismo religioso. O problema de Uberaba não é ter o título ou não, são seus políticos. Mesmo que Uberaba seja declarada como tal, muito provavelmente não saberá usar tal rótulo para a sua economia.
Lembrando que Uberaba disputa com Frei Leopoldo, cidade natal de Chico. E Chico escolheu Uberaba, mas os "donos" da cidade nunca escolheram Chico...
Quer um exemplo claro? O filme Chico Xavier, sucesso no cinema, citou mais Frei Leopoldo, onde o médium ficou menor parte de sua vida, do que Uberaba. E sabe por que? Porque os políticos daquela cidade agiram, arrumaram até patrocinador para o filme em troca da exposição de Frei Leopoldo.
E com os políticos que Uberaba tem hoje, você já imagina o que vai acontecer... Não é a toa que o Grande Hotel fechou, e que a outros hotéis entraram em crise após a morte de Chico Xavier, já que o turismo religioso caiu muito.
Como tudo em Uberaba, nada vai pra frente...